Políticas Editoriais

Foco e Escopo

A Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais é uma revista de acesso aberto, com licença Creative Commons (Atribuição CC-BY), que tem como missão publicar estudos relevantes sobre temas de planejamento e estudos urbanos e regionais e contribuir para o adensamento do debate nacional e internacional, expressando a diversidade disciplinar, temática, e conceitual do campo de conhecimento de planejamento urbano e regional.

A Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais pertence a ANPUR, Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Planejamento Urbano e Regional, fundada em 1983, que aglutina e representa programas de pós-graduação e centros de ensino e/ou pesquisa das áreas do planejamento urbano e regional, do urbanismo, da geografia, da economia, da administração pública, das ciências sociais, do direito, do desenvolvimento regional, entre outras.

O conteúdo da revista se dirige a um público multidisciplinar de professores, pesquisadores, estudantes e profissionais do campo do planejamento e dos estudos urbanos e regionais. Além de chamadas temáticas, a revista mantém um fluxo contínuo de submissão de artigos e resenhas para publicação, nos idiomas português, inglês e espanhol.

Criada em 1999, em versão impressa e com periodicidade semestral, a RBEUR vem se consolidando como o principal periódico na área de Planejamento Urbano e Regional no Brasil e, desde, 2015, tem periodicidade quadrimestral.

A RBEUR está registrada com o ISSN eletrônico 2317-1529 e o ISSN impresso 1517-4115, e abrange as seguintes temáticas:

• planejamento e gestão urbana e regional;
• história da cidade e do urbanismo;
• arquitetura e urbanismo;
• produção e estruturação da cidade e da metrópole e sintaxe urbana;
• economia urbana e regional;
• geografia regional e urbana;
• demografia;
• política habitacional, financiamento e regulação estatal;
• políticas públicas de desenvolvimento urbano e regional;
• formação econômico-territorial, integração e disparidades regionais;
• desenvolvimento econômico e espaço;
• redes, cadeias de valor, arranjos produtivos locais;
• impactos locais/regionais de políticas públicas e estratégias nacionais e globais;
• metrópoles e cidades médias;
• redes urbanas, sistemas e hierarquias urbano-regionais;
• relações centro-periferia, cidade e região;
• desenvolvimento urbano-regional, tecnologia e inovação;
• meio ambiente e sustentabilidade de cidades e regiões;
• dinâmica econômica, modelagem e indicadores de desenvolvimento regional;
• cultura, identidades e apropriação do espaço.

 

Políticas de Seção

Artigos | Articles

Esta seção publica artigos inéditos e originais que contribuam para o avanço do conhecimento teórico e/ou empírico das respectivas áreas de interesse da RBEUR. Os manuscritos encaminhados à Revista serão submetidos à avaliação não identificada de, pelo menos, dois/duas pareceristas com domínio sobre o conteúdo do trabalho (avaliação cega e por pares). Os dossiês temáticos organizados pela RBEUR contarão com o mesmo processo de avaliação cega e por pares.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Resenhas | Reviews

Esta seção publica resenhas que versem sobre livros, publicados nos últimos três anos, relacionados ao campo do Planejamento e dos Estudos Urbanos e Regionais. As resenhas serão avaliadas pela Comissão Editorial da RBEUR.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

Os manuscritos submetidos à RBEUR serão encaminhados para a avaliação cega e por pares de pareceristas com domínio sobre o conteúdo específico do trabalho, externos à Comissão Editorial da RBEUR, podendo ser de instituições nacionais ou estrangeiras.
 
Em caso de discordância entre as avaliaçõres dos/as dois/duas pareceristas, o manuscrito será encaminhado a um/a terceiro/a avaliador/a, também reconhecido na área específica do trabalho, a fim de dirimir as dúvidas sobre a propriedade ou impropriedade da publicação do manuscrito, tendo em conta tão somente a sua qualidade acadêmica.
 
Os manuscritos são avaliados levando-se em conta:
a) clareza dos objetivos;
b) pertinência da metodologia frente aos objetivos;
c) consistência entre fundamentação teórica, objetivos, metodologia e resultados;
d) domínio e atualidade da bibliografia;
e) uso de referências da literatura internacional que analisam casos empíricos semelhantes, quando aplicável;
f) qualidade da redação (escrita e estrutura do texto);
g) originalidade, pertinência e relevância do tema para publicação.
 
Após a avaliação, os manuscritos podem ser recomendados a:
a) publicação sem modificações;
b) publicação com modificações não substanciais;
c) ressubmissão a um novo processo de avaliação após modificações substanciais; e
d) rejeição.
 
O processo de avaliação de manuscritos pela RBEUR costuma levar, em média, de 5 a 6 meses, desde a submissão do trabalho até a sua aprovação ou rejeição. Os artigos aprovados costumam ser publicados em até 1 ano após a sua submissão.
 
O processo de avaliação dos manuscritos submetidos às chamadas temáticas (Dossiês) será estritamente igual ao dos artigos encaminhados para fluxo contínuo.

 

Periodicidade

A RBEUR possui periodicidade quadrimestral. As edições são organizadas em torno de um volume anual, dividido em três números, os quais são publicados até o primeiro dia do primeiro mês de cada quadriênio: janeiro-abril; maio-agosto; e setembro-dezembro.

 

Política de Acesso Livre

A RBEUR oferece acesso aberto e imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização e intercâmbio global do conhecimento.

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais.

 

Ética, Má Conduta e Detecção de Plágio

A RBEUR defende princípios éticos no processo de produção e divulgação do conhecimento científico, o que implica o comprometimento de todas as pessoas envolvidas no processo editorial: autoras/es, editoras/es, pareceristas, revisoras/es e instituição resposável.

A RBEUR utiliza ferramentas eletrônicas para detecção de plágio. No caso de reconhecimento de plágio e de outras posturas que ferem os princípios éticos da RBEUR, os manuscritos são automaticamente rejeitados.

 

Qualis/CAPES

Estrato - Área de Avaliação (2013-2016)

A2 - Planejamento Urbano e Regional/Demografia

A2 - Arquitetura, Urbanismo e Design

A2 - Interdisciplinar

B1 - Antropologia/Arqueologia

B1 - Sociologia

B2 - Ciências Ambientais

B2 - Economia

B2 - Geografia

B3 - Engenharias I

B4 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo

B4 - Ciência Política e Relações Internacionais

 

Relatório Anual de Atividades

2015

2016



Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia