Capital excedente e urbanização: o papel dos grandes projetos urbanos

Nadia Somekh, Ricardo Carlos Gaspar

Resumo


O presente artigo desenvolve algumas reflexões sobre a relação entre os grandes projetos urbanos, a absorção dos excedentes de capital e as crises econômicas da atualidade. Ele principia pela conceitualização dos grandes projetos urbanos à luz do novo papel das cidades na economia mundial contemporânea, prossegue com considerações sobre a dinâmica imobiliária e a disputa em torno da terra e da renda do solo urbano, e finaliza com a defesa do papel do Estado – em todas as escalas geográficas, mas, sobretudo, do Estado nacional – no ordenamento do território, na fixação de princípios integrados de política regional e na regulação pública do espaço urbano.

 


Palavras-chave


grandes projetos urbanos; excedentes de capital; política urbana; Estado nacional; solo urbano.

Texto completo:

PDF (PORTUGUÊS)

Referências


ABASCAL, E. H. S.; ZYLBERSTJAIN, B. E. “Porto Madero, Buenos Aires: formação e implantação do porto – genealogia de um projeto insígnia”. In: CAMPOS NETO, C. M. et. al. A cidade iberoamericana: história, cultura e urbanismo – passagens do ideário urbanístico entre Buenos Aires, Rio de Janeiro e São Paulo. Relatório Técnico de Pesquisa. São Paulo, Mackpesquisa (mimeo), 2010.

ABRAMO, P. A cidade caleidoscópica: coordenação espacial e convenção urbana: uma perspectiva heterodoxa para a economia urbana. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2007.

ABRAMO, P. “A experiência latinoamericana de projetos urbanos”. Apresentação no Segundo Colóquio Internacional: Projetos Urbanos, Reconversão e Inclusão Social. São Paulo, Universidade Mackenzie, setembro de 2008.

ABRAMO, P. “La ciudad com-fusa: mercado y producción de la estructura urbana en las grandes metrópolis latinoamericanas”. Revista EURE vol. 38 no 114. Santiago, PUC- -Chile, 2012.

ARANTES, O. Chai-na. São Paulo, EDUSP, 2011.

ARANTES, O. Berlim e Barcelona: duas imagens estratégicas. São Paulo, Annablume, 2012.

BRENNER, N. “Global cities, “glocal” states: global city formation and state territorial restructuring in contemporary Europe”. In: BRENNER, N. and KEIL, R. (eds.). The global cities reader. New York, Routledge, 2006.

CHANG, H. J. Globalisation, economic development and the role of the State. London and New York, Zed Books; Penang, Third World Network, 2003.

CHESNAIS, F. “O capital portador de juros: acumulação, internacionalização, efeitos econômicos e políticos”. In: CHESNAIS, F. (org.). A finança mundializada: raízes sociais e políticas, configuração, consequências. São Paulo: Boitempo, 2005.

COMBES, P. P.; MAYER, T.; THISSE, J. F. Economic geography: the integration of regions and nations. Princeton and Oxford, Princeton University Press, 2008.

CUENYA, B. “Grandes proyectos y sus impactos en la centralidad urbana”. Cadernos Metrópole v. 13 n. 25. São Paulo, EDUC, 2011.

DOEBELE, W. “Land use and taxation issues in developing countries”. In: BROWN, H. J. (ed.). Land use and taxation: applying the insights of Henry George. Cambridge/MA, Lincoln Institute of Land Policy, 1997.

EGLER, T. T. C.; OLIVEIRA, F. M. “Jogo no Rio”. Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais v. 12 no 2. Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Planejamento Urbano e Regional, novembro de 2010.

FIX, M. Financeirização e transformações recentes no circuito do capital imobiliário no Brasil. Tese de Doutoramento. Campinas, Instituto de Economia, Unicamp, 2011.

GASPAR, R. C. (2008). “Estado, instituciones y desarrollo urbano”. In: MONTÚFAR, M. C. (Coord.). Lo urbano en su complejidad: una lectura desde América Latina. Quito, FLACSO; Ministerio de Cultura del Ecuador.

GASPAR, R. C. Las ciudades en la globalización: economía, espacio y poder. Saarbrücken, LAP LAMBERT Academic Publishing & Co, 2011a.

GASPAR, R. C. “A economia política da urbanização contemporânea”. Cadernos Metrópole vol. 13, 2011 (no 25). São Paulo, EDUC, 2001b.

HARVEY, D. O enigma do capital e as crises do capitalismo. São Paulo: Boitempo, 2011a.

HARVEY, D. Le capitalisme contre le droit a la ville: neoliberalisme, urbanisation et résistence. Paris, Ed. Amsterdam, 2011b.

KRUGMAN, P. Geography and trade. Cambridge/MA, MIT Press, 1991.

LEITE, C.; SOMEKH, N. São Paulo: implementando a mudança urbana. Texto apresentado no Urban Age: South America Conference, São Paulo, dezembro de 2008. http://vitruvius.com.br/revistas/read/minhacidade/09.105/1855.

LEMOS, A. “Cidade ciborgue: a cidade na cibercultura”. In: LEMOS, A. (Org.). Cibercidade II: cibercidade, a cidade na sociedade da informação. Rio de Janeiro, E-papers, 2005.

MASSEY, D. For space. London, Sage Publications, 2005.

MASSEY, D. World city. Cambridge, UK, Polity Press, 2007.

MATTOS, C. A. “Globalización, negocios inmobiliarios y mercantilización del desarrollo

urbano”. In: MONTÚFAR, M. C. (Coord.). Lo urbano en su complejidad: una lectura desde America Latina. Quito, FLACSO Ecuador; Ministerio de Cultura del Ecuador, 2008.

MCKINSEY QUARTERLY (2011). The world’s new growth frontier: midsize cities in emerging markets. www.mckinseyquarterly.com, mar/2011.

MORANDI, C.; PUCCI, P. Prodotti notevoli. Milano, Francoangeli, 1998.

PNUD. A democracia na América Latina: rumo a uma democracia de cidadãs e cidadãos. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. Santana de Parnaíba/SP, L, M & X, 2004.

SANTOS, M. A urbanização brasileira. São Paulo, EDUSP, 2008.

SASSEN, S. The global city: London, New York, Tokyo. 2nd edition. New Jersey, Princeton University Press, 2001.

SASSEN, S. Una sociología de la globalización. Buenos Aires: Katz Editores, 2007.

SASSEN, S. “Cities in today’s global age”. In: UNESCO. World social science report 2010: knowledge divides. Paris, UNESCO; International Social Sciences Council, 2010.

SMITH, N. Uneven development: nature, capital, and the production of space. 3rd edition. Athens/GE, University of Georgia Press, 2008.

SOMEKH, N.; CAMPOS, C. M. Desenvolvimento local e projetos urbanos. Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Planejamento Urbano e Regional. Rio de Janeiro, IX Encontro Nacional da ANPUR, 2001.

SOMEKH, N.; CAMPOS, C. M. “Projetos urbanos / utopias realizáveis: o caso do centro de São Paulo”. In: GASPAR, R.; AKERMAN, M.; GARIBE, R. (Orgs.). Espaço urbano e inclusão social: a gestão pública na cidade de São Paulo 2001-2004. São Paulo, Ed. Perseu Abramo, 2006.

SOMEKH, N.; CAMPOS, C. M. Arquitetura e metrópole: projetos urbanos da “Grand Paris”. Anais do Simpósio Temático: Projetos Urbanos e a Reinvenção do Espaço-Mundo na Cidade Contemporânea. Rio de Janeiro, I Encontro Nacional da Associação Nacional de Arquitetos (ENAPARQ), 2010.

SOMEKH, N.; CAMPOS, C. M. Um Projeto Urbano para São Paulo? In: CAMPAGNER, L.; CALDANA, V. (orgs.) Projetos Urbanos em São Paulo. São Paulo, Livre Expressão, 2011.

SWYNGEDOUW, E. A cidade pós-política. @metropolis: revista eletrônica de estudos urbanos e regionais, no 08, ano 3, 2012.

VILLAÇA, F. Espaço intra-urbano no Brasil. São Paulo, Studio Nobel; FAPESP; Lincoln Institute of Land Policy, 2001.

UN-HABITAT. State of the world’s cities 2010/2011: bridging the urban divide. Nairobi, UN-Habitat; London, Earthscan, 2010.




DOI: http://dx.doi.org/10.22296/2317-1529.2012v14n2p133

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

REVISTA BRASILEIRA DE ESTUDOS URBANOS E REGIONAIS - REV. BRAS. ESTUD. URBANOS REG. (Online)

ISSN: 2317-1529 (eletrônico); 1517-4115 (impresso)

 

Indexadores, Repositórios e Bases de dados:

                              


Redes Sociais: 


Licenciada sob uma Licença Creative Commons:

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia