Transformações na produção da periferia: o caso de Itaquera e o Conjunto Habitacional José Bonifácio

Palavras-chave: Periferia, Metrópole, Espoliação, Fronteira

Resumo

O artigo busca resgatar o processo de transformações socioespaciais na área que corresponde à Subprefeitura de Itaquera, na cidade de São Paulo, comparando sua centralidade (distrito de Itaquera) com o Conjunto Habitacional José Bonifácio (distrito de José Bonifácio). Para tanto, analisam-se dois ciclos da construção imobiliária: o período de 1970 a 1985, quando foi realizado o projeto dos conjuntos habitacionais do Banco Nacional de Desenvolvimento na região, por meio da Cohab-SP; e o de 2000 a 2015, intervalo em que foram implementadas infraestruturas, serviços e também investimentos imobiliários em razão da construção da Arena Corinthians no contexto da Copa do Mundo de Futebol. O intuito é demonstrar como o modelo centro-periferia, tradicional na interpretação sobre as cidades latino-americanas, não se aplica ao movimento de continuidades e descontinuidades da região em estudo.

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carolina Alvim de Oliveira Freitas, Universidade de São Paulo, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, São Paulo, SP, Brasil

Doutoranda na área de Habitat pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo. Mestra em Planejamento Urbano e Regional pela mesma faculdade, autora da dissertação Mulheres e periferias como fronteiras: o tempo-espaço das moradoras do Conjunto Habitacional José Bonifácio, que obteve menção honrosa no XI Prêmio Brasileiro Política e Planejamento Urbano e Regional pela Anpur, 2019.

Referências

BOLAFFI, G. Habitação e urbanismo: o problema e o falso problema. In: SIMPÓSIO DE HABITAÇÃO DA XXVII REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA PARA O PROGRESSO DA CIÊNCIA, 1975. São Paulo. Anais [...]. São Paulo: SBPC, 1975.

CAMARGO et al. (orgs.). São Paulo 1975: crescimento e pobreza. São Paulo: Loyola, 1975.

CUNHA, R. C. da. Morador de Itaquera vê a Copa do Mundo como promessa de melhorias no bairro. 12 jun. 2013. Disponível em: https://mural.blogfolha.uol.com.br/2013/06/12/morador-de-itaquera-ve-a-copa-do-mundo-como-promessa-de-melhorias-no-bairro/. Acesso em: 10 set. 2020.

DAMIANI, A. L. A Cidade (des)ordenada: concepção e cotidiano do Conjunto Habitacional Itaquera I. 1993. (Tese de Doutorado) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 1993.

FIX, M. São Paulo, cidade global: fundamentos financeiros de uma miragem. São Paulo: Boitempo, 2007.

IBGE. Censos demográficos, 1950, 1960, 1970, 1980, 1991, 2000, 2010. Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (SMDU); Departamento de Estatística e Produção de Informação (Dipro). Disponível em: http://smul.prefeitura.sp.gov.br/historico_demografico/tabelas/pop_dist.php. Acesso em 7 jun. 2018.

KOWARICK, L. Escritos urbanos. São Paulo: Editora 34, 2000.

LEFEBVRE, H. A revolução urbana. Belo Horizonte: Editora UFMG, 1999.

LEFEBVRE, H. Direito à cidade. São Paulo: Centauro 2001.

MARICATO, E. A produção capitalista da casa (e da cidade) no Brasil industrial. São Paulo: Alfa-Ômega, 1979.

MARICATO, E. Indústria da construção e política habitacional. 1984. (Tese de Doutorado) – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Universidade de São Paulo, São Paulo, 1984.

MAUTNER, Y. A periferia como fronteira de expansão do capital. In: DEÁK, C.; SCHIFFER, S. R. (orgs.). O processo de urbanização no Brasil. 2. ed. São Paulo: Edusp, 2010.

PEREIRA, P. C. X. Reestruturação imobiliária em São Paulo: especificidades e tendências. In: X Encontro de Geógrafos da América Latina. Anais [...]. São Paulo: Universidade de São Paulo, 2005.

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PAULO. Polo Institucional Itaquera: diretrizes de projeto urbanístico. São Paulo: Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (SMDU); Assessoria Técnica de Operação Urbana (Atou), 2012.

RAMALHOSO, W. Destino Itaquera: o metrô rumo aos conjuntos habitacionais da Cohab-SP. 2013. Dissertação de Mestrado – Instituto de Arquitetura e Urbanismo, Universidade de São Paulo, São Carlos, 2013.

ROLNIK, R.; FRÚGOLI JR., H. Reestruturação urbana da metrópole paulistana: a Zona Leste como território de rupturas e permanências. Cadernos Metrópole. São Paulo, n. 6, p. 55-83. 2001.

RUFINO, M. B. C. Financeirização do imobiliário e transformações na produção do espaço. In: FERREIRA, A.; RUA, J.; MATTOS, R. C. de. (orgs.). O espaço e a metropolização: cotidiano e ação. Rio de Janeiro: Consequência, 2017.

RUFINO, M. B. C.; SHIMBO, L. Z. Financeirização e condominialização: um olhar sobre as transformações na produção e na propriedade da habitação no Brasil. In: CONGRESO INTERNACIONAL CONTESTED_CITIES. Madrid, Grupo de Estudios Urbanos y Teoría Social. 2016.

SHIMBO, L. Z. Habitação social de mercado: a confluência entre Estado, empresas construtoras e capital financeiro. Belo Horizonte: C/Arte, 2012.

SILVA, M. da G. P. A “irregularidade” na produção de conjuntos habitacionais de interesse social. In: XI ENCONTRO NACIONAL DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL. Anais [...]. Salvador: Anpur, 2005.

SINGER, P. Economia política da urbanização. São Paulo: Contexto, 1973.

SMDU, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano. Censo da população por distrito. Disponível em: http://smul.prefeitura.sp.gov.br/historico_demografico/tabelas.php. Acesso em: 10 set. 2020.

SMITH, N. Gentrificação, a fronteira e a reestruturação do espaço urbano. In: Revista GEOUSP, São Paulo, n. 21, p. 15-31, 2007.

VOLOCHKO, D. Novos espaços e cotidianos desiguais nas periferias da metrópole. 2011. (Tese de Doutorado) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011.

Publicado
2020-10-09
Seção
Artigos - Planejamento e Políticas Públicas