Resistir, festejar: Tico Tico Serra Copo, ação direta e apropriação do espaço no carnaval contemporâneo de Belo Horizonte | Resist, celebrate: Tico Tico Serra Copo, the direct action and appropriation of space in the contemporary carnival of Belo Horizonte

  • Carlos Eduardo Frankiw de Andrade Universidade de São Paulo, Programa de Pós-graduação em Humanidades Direitos e Outras Legitimidades, São Paulo, SP
Palavras-chave: carnaval, ação direta, apropriação de espaços urbanos, resistência urbana, direito à cidade.

Resumo

O presente artigo tem por objetivo analisar aspectos da retomada do carnaval de rua de Belo Horizonte nos anos recentes, a partir da interpretação dos sentidos políticos imersos na atuação de um de seus blocos carnavalescos contemporâneos. Para tanto, parte-se de uma leitura que busca enquadrar suas intervenções festivas sobre o espaço urbano e sua relação com os poderes públicos a partir do conceito político de Ação Direta. Os sentidos políticos desdobrados do cruzamento desse conceito com a atuação desse sujeito permitem traduzir sua manifestação cultural como perpassada por uma perspectiva singular de apropriação dos espaços da cidade para resistência e transformação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Eduardo Frankiw de Andrade, Universidade de São Paulo, Programa de Pós-graduação em Humanidades Direitos e Outras Legitimidades, São Paulo, SP
Possui graduação em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (2005). Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil República, atuando principalmente nos seguintes temas: sociologia do conhecimento, história do anarquismo, história política, história das idéias, repressão e filosofia contemporânea. Mestre em História Social pelo programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade de São Paulo (2009). Doutorando em Humanidades, Direitos e Outras Legitimidades pelo programa de Pós-Graduação Interdisciplinar Humanidades, Direitos e Outras Legitimidades da Universidade de São Paulo (2014 - ).

Referências

ALBUQUERQUE, C. A. “Ei, polícia, a praia é uma delícia”: rastros de sentidos nas conexões da Praia da Estação. 2013. 167 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) – Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2013.

ANDRÉS, R. O progresso avança pelo asfalto. Revista Piauí, São Paulo, dez. 2009. Disponível em: <http://piaui.folha.uol.com.br/materia/o-progresso-avanca-pelo-asfalto/>. Acesso em: 29 mar. 2017.

ANDRÉS, R. O prefeito e os liberticidas. Facebook, Belo Horizonte, 25 fev. 2015. Disponível em: <https://www.facebook.com/rrandres/posts/10200350576322844?fref=nf>. Acesso em: 29 mar. 2017.

ARREGUY, C. A. C.; RIBEIRO, R. R. Histórias de bairros de Belo Horizonte: Regional Leste. Belo Horizonte: APCBH; ACAP-BH, 2008.

CARNAVAL DE RUA BH. Facebook, Belo Horizonte, 24 fev. 2015. Disponível em: . Acesso em: 29 mar. 2017.

CASTELLS, M. Redes de indignação e de esperança: movimentos sociais na era da Internet. Rio de Janeiro: Zahar, 2013.

CRUZ, L. PBH vai cadastrar ambulantes para carnaval 2015. Estado de Minas, Belo Horizonte, 15 jan. 2015. Disponível em: <http://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2015/01/15/ interna_gerais,608184/pbh-vai-cadastrar-ambulantes-para-carnaval-2015.shtml>. Acesso em: 29 mar. 2017.

CRUZ, M. M.; COUTINHO, J. F. Temporada de ensaios abertos para o Carnaval é intensificada em BH. Estado de Minas, Belo Horizonte, 11 jan. 2015. Disponível em: . Acesso em: 29 mar. 2017.

DA MATTA, R. Carnavais, malandros e heróis: para uma sociologia do dilema brasileiro. Rio de Janeiro: Rocco, 1997.

DIAS, P. L. C. Sob a “lente do espaço vivido”: a apropriação das ruas pelos blocos de carnaval na Belo Horizonte contemporânea. 2015. 201 f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) – Escola de Arquitetura, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2015. Disponível em: <http://www.bibliotecadigital.ufmg.br/dspace/ handle/1843/MMMD-A5AH8K>. Acesso em: 29 mar. 2017.

FRANÇA, B. Tico-tico Serra Copo faz desfile no São Geraldo em comunhão com moradores. O Tempo, Belo Horizonte, 15 fev. 2015. Disponível em: <http://www.otempo. com.br/hotsites/carnaval-2015/tico-tico-serra-copo-faz-desfile-s%C3%A3o-geraldoem-comunh%C3%A3o-com-moradores-1.994660>. Acesso em: 29 mar. 2017.

GRAEBER, D. Direct Action: an etnography. London: AK Press, 2009.

GUIMARÃES, A. Anarquismo e Ação Direta. 2009. 142 f. Dissertação (Mestrado em História) – Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2009. Disponível em: <https://repositorio.ufu.br/bitstream/123456789/16367/1/dis.pdf>. Acesso em: 29 mar. 2017.

HEMERSON, L.; LOPES, V. PM teme que blocos ‘escondidos’ coloquem segurança do carnaval de BH em risco. Estado de Minas, Belo Horizonte, 4 fev. 2015. Disponível em: <http://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2015/02/04/interna_gerais,614604/ pm-teme-que-blocos-escondidos-coloquem-seguranca-do-carnaval-de-bh-e.shtml>. Acesso em: 29 mar. 2017.

HOBSBAWM, E. Era dos extremos: o breve século XX (1914-1991). São Paulo: Companhia das Letras, 2001.

JACQUES, P. B. Apologia da deriva: escritos situacionistas sobre a cidade. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2003.

KATSIAFICAS, G. The subversion of politics: european autonomous social movement and the decolonization of everyday life. Oakland: AK Press, 2006.

KROPOTKIN, P. Palavras de um revoltado. São Paulo: Imaginário, 2005.

LEFEBVRE, H. A Revolução Urbana. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 1999.

LEFEBVRE, H. O direito à cidade. São Paulo: Centauro, 2001.

LEITE, F. “Se não posso dançar, esta não é a minha revolução”. Palavras sobre coisas, s. l., 19 fev. 2013. Disponível em: <http://palavrasobrecoisas.blogspot.com.br/2013/02/mae-de-deus-sera-que-esses-olhos-sao.html>. Acesso em: 29 mar. 2017.

LIBERATO, L. V. Expressões contemporâneas da rebeldia: poder e fazer da juventude autonomista. 2006. 269 f. Tese (Doutorado em Sociologia Política) – Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2006. Disponível em: <https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/89294>. Acesso em: 29 mar. 2017.

LOPES, V. Carnaval de BH cresce e rouba foliões de cidades do interior com tradição carnavalesca. Estado de Minas, Belo Horizonte, 17 jan. 2015. Disponível em: <http://www. em.com.br/app/noticia/gerais/2015/01/17/interna_gerais,608833/carnaval-de-bh-cresce-e-rouba-folioes-de-cidades-do-interior-com-tradi.shtml>. Acesso em: 29 MAR. 2017.

LUDD, N. (Org.). Urgência das ruas: Black Block, Reclaim The Streets e os Dias de Ação Global. Porto Alegre: Conrad, 2002.

OLIVEIRA, I. Uma “praia” nas alterosas, uma “antena parabólica” ativista: configurações contemporâneas da contestação social de jovens em Belo Horizonte. 2012. 244 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2012. Disponível em: <http://www.bibliotecadigital. ufmg.br/dspace/handle/1843/BUBD-9V6QVY>. Acesso em: 29 mar. 2017.

PEREIRA FILHO, H. F. Glórias, conquistas perdas e disputas: as muitas máscaras dos carnavais de rua em Belo Horizonte (1899 - 1936). 2006. 225 f. Dissertação (Mestrado em História) – Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2006. Disponível em: <http://www.bibliotecadigital.ufmg.br/ dspace/handle/1843/VCSA-6X5Q8C>. Acesso em: 29 mar. 2017.

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE. História São Geraldo. Belo Horizonte: Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, s. d. Disponível em: <http://portalpbh. pbh.gov.br/pbh/ecp/comunidade.do?evento=portlet&pIdPlc=ecpTaxonomiaMenuPo rtal&app=historia&tax=14431&lang=pt_BR&pg=5780&taxp=0&>. Acesso em: 29 mar. 2017.

RIGUEIRA, M. Belo Horizonte estreia pacotes turísticos para o Carnaval 2015. Estado de Minas, Belo Horizonte, 8 jan. 2015. Disponível em: <http://www.em.com.br/app/ noticia/economia/2015/01/08/internas_economia,606071/belo-horizonte-estreia-pacotes-turisticos-para-o-carnaval-2015.shtml>. Acesso em: 29 mar. 2017.

SARAIVA, Adriana Coelho. Movimentos em movimento: uma visão comparativa de dois movimentos sociais juvenis no Brasil e Estados Unidos. 2010. 258 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) – Instituto de Ciências Sociais, Universidade de Brasília, Brasília, 2010. Disponível em: <http://repositorio.unb.br/bitstream/10482/6974/1/2010_AdrianaCoelhoSaraiva.pdf>. Acesso em: 29 mar. 2017.

TICO TICO SERRA COPO. Facebook, Belo Horizonte, 1 mar. 2014. Disponível em: <https://www.facebook.com/ticoticoserracopo/photos/a.651661128234654.10737418 28.651617994905634/662711520462948/?type=1&theater>. Acesso em: 29 mar. 2017.

TICO TICO SERRA COPO. Facebook, Belo Horizonte, 12 fev. 2015. Disponível em: <https://www.facebook. com/ticoticoserracopo/photos/a.651661128234654.1073741828.651617994905634/86 3477533719678/?type=1&theater>. Acesso em: 29 mar. 2017

Publicado
2017-08-25